Fluido Freio

Óleo de freio.

O óleo de freio possui como característica química a absorção de água do ambiente, e isto acaba contaminando o sistema com água, gerando oxidação (ferrugem) e, consequentemente, vazamentos nos cilindros de roda, reparo do cilindro mestre e nos êmbolos da pinça de freio .

Segundo a recomendação do fabricante, a troca deve ser realizada a cada 20 mil quilômetros ou dois anos.

O fluido pode baixar e, se isso acontecer, é preciso verificar se há algum vazamento. Caso não haja irregularidades, pode ser o sinal de que as pastilhas de freio estão gastas e o fluido está compensando esse desgaste. Um detalhe importante é a especificação dos fluidos: DOT 3, DOT 4 e DOT 5. O primeiro é utilizado em carros de passeio e veículos leves. Alguns carros utilizam o DOT 4, que tem uma temperatura de ebulição mais alta e assim se torna mais eficaz. A versão DOT 5 é recomendada para veículos mais potentes e cujos freios são mais exigidos, como os modelos esportivos.